EXPRESSÃO MUSICAL

"A Expressão Musical assenta num trabalho de exploração de sons e ritmos, que a criança produz e explora espontaneamente e que vai aprendendo a identificar e a produzir, com base num trabalho sobre os diversos aspectos que caracterizam os sons: intensidade (fortes e fracos), altura (graves e agudos), timbre (modo de produção), duração (sons longos e curtos), chegando depois à audição interior, ou seja, a capacidade de reproduzir mentalmente fragmentos sonoros.

A expressão musical está intimamente relacionada com a educação musical que se desenvolve, na educação pré-escolar, em torno de cinco eixos fundamentais: escutar, cantar, dançar, tocar e criar.
O trabalho com o som tem como referência o silêncio, que nunca é absoluto, mas que permite ouvir e identificar o fundo sonoro que nos rodeia. Saber fazer silêncio para poder escutar e identificar esses sons faz parte da educação musical.

ESCUTAR

A exploração das características dos sons pode passar, também, por escutar, identificar e reproduzir sons e ruídos da natureza - água a correr, vento, "vozes" dos animais, etc. - e da vida corrente como o tic-tac do relógio, a campainha do telefone ou motor do automóvel, etc.

CANTAR

A relação entre a música e a palavra é uma outra forma de expressão musical. Cantar é uma atividade habitual na educação, principalmente pré-escolar, que pode ser enriquecida pela produção de diferentes formas de ritmo.
Trabalhar as letras das canções relaciona o domínio da expressão musical com o da linguagem, que passa por compreender o sentido do que se diz, por tirar partido das rimas para discriminar os sons, por explorar o caráter lúdico das palavras e criar variações da letra original.

DANÇAR

A música pode constituir uma oportunidade para as crianças dançarem. A dança como forma de ritmo produzido pelo corpo liga-se à expressão motora e permite que as crianças exprimam a forma como sentem a música, criem formas de movimento ou aprendam a movimentar-se, seguindo a música. A dança pode também apelar para o trabalho de grupo que se organiza com uma finalidade comum.
O acompanhamento musical do canto e da dança permite enriquecer e diversificar a expressão musical. Este acompanhamento pode ser realizado pelas crianças, pelo educador ou recorrer à música gravada.

CRIAR

Se instrumentos de percussão simples podem ser construídos pelas crianças relacionando-se com o domínio da atividade plástica, estas poderão também utilizar instrumentos musicais mais complexos e com outras possibilidades - jogos de sinos, triângulos, pandeiretas, xilofones, etc. - que deverão ter grande qualidade. Outros instrumentos poderão ser usados pelo educador como a flauta, o violão...
A utilização de um gravador permite registar e reproduzir vários tipos de sons e músicas que, podendo ser um suporte para o trabalho de expressão, possibilita ainda que as crianças alarguem a sua cultura musical, desenvolvendo a sensibilidade estética neste domínio.

SUGESTÕES PARA UMA AVALIAÇÃO DESCRITIVA

• Escutar e identificar sons e ambientes

• Cantar canções e pequenas melodias

• Utilizar musicalmente o corpo para a percussão, mímica e movimento

• Explorar a sonoridade de objectos e instrumentos musicais

• Ter atitudes adequadas à Expressão Musical


fonte: www.meloteca.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário